Se você acha que desertos são, em regra, somente inertes e áridos, vai se surpreender ao conhecer mais sobre o Deserto do Atacama.

Essa é considerada a região mais seca do mundo (além dos extremos polos), o deserto mais alto e o local detentor do céu mais limpo da Terra. Ele conta com mais de 1000 km de extensão e está localizado na região norte do Chile.

Seguro viagem geral 300x250Essa exótica região exala energia abundante, oriunda dos ancestrais pré-incaicos atacameños, que aprenderam a sobreviver no ambiente árido e seco, e em meio a seus oásis, de onde a vida jorra mesmo diante das condições mais adversas do mundo.

Durante grande parte do século XIX, o deserto foi objeto de conflitos entre o Chile, a Bolívia e o Peru devido aos seus recursos minerais abundantes. Após a Guerra do Pacífico (1879 a 1883), transformou-se na “menina dos olhos” do país vizinho, o Chile.

Além ainda de render fotos cuja autenticidade seus amigos poderão até duvidar – mas não será photoshop! -, diante de tanta beleza e magnitude. Cansado de destinos comuns e triviais? Vá ao Deserto do Atacama e curta passeios inesquecíveis.

LEIA TAMBÉM – SANTIAGO DO CHILE – UMA CAPITAL CERCADA POR MONTANHAS

A Geografia do Deserto do Atacama

A peculiar geografia da região, o altiplano andino (também chamado como “puna”), tem mais de 4000 m de altura e mantêm-se intacta em meio a um cenário realmente peculiar e que valerá cada minuto da sua viagem.

Falando em geografia, o Atacama está situado entre o Oceano Pacífico e a Cordilheira dos Andes. A área desértica surgiu, segundo especialistas, com o encontro das placas tectônicas de Nazca e do Continente Sul-americano.

deserto-do-atacama

Com isso, montanhas foram se formando, sendo uma delas a Cordilheira de La Costa, a responsável por tornar o Deserto do Atacama tão árido, pois bloqueia a umidade que vem da região costeira ocidental.

E, ainda, entre a La Costa e os Andes está a Cordilheira de Domeyko, rica em minas de cobre. E pasme, essa área é ainda mais árida do que o próprio deserto. Entre ambas as áreas fica uma depressão geológica, oriunda de erosão dos Andes.

Um deserto entre cordilheiras

Na região, há uma formação exclusiva no mundo, a Cordilheira de La Sal (formada, em regra, por argila, gesso e sal) e que é constantemente talhada pelo vento e pela chuva, criando estruturas um tanto exóticas e incríveis (como o Vale da Morte e da Lua, do qual falaremos adiante).

Ainda, na Depressão Andina ocorrem chuvas, as quais ficam represadas por conta das montanhas. Desse modo, a água evapora nos períodos mais secos e forma os peculiares salares e as lagunas (Salar do Atacama), onde se situa a cidade de San Pedro, a maior comunidade da região.

Depois de tantas cordilheiras e depressões é que se inicia a Cordilheira dos Andes, onde a atividade vulcânica ainda é presente. Devido a isso, formou-se o chamado Altiplano Andino, uma região árida, fria e praticamente inabitada.

Pouca chuva, muito frio

Feitas as considerações sobre a geografia da região, tem-se que os desertos às vezes são definidos como ambientes que recebem menos de uma média de 250 mm de chuva por ano – o Atacama recebe menos de 1 mm por ano.

A temperatura do Atacama varia entre 22ºC durante o dia e -2ºC à noite. Por conta disso, apenas cactos, e gramíneas rentes ao solo conseguem sobreviver no deserto, além de poucas bromélias.

A fauna do deserto

Em relação à fauna, é possível visualizar a viscacha, um tipo de chinchila e a raposa cinza sul-americana. Como resultado, não se vê muita vegetação abundante, sombras, grandes cidades ou poluição.

Mesmo assim, o cenário é inspirador, com cânions esculpidos pelo vento, vulcões, e lagos de sal proporcionando um pano de fundo que parece até uma viagem a Marte. O Atacama também é detentor de grandes observatórios astronômicos que encontramos no mundo.

Clima e temperatura no deserto

Saber sobre o clima do Deserto do Atacama vai te ajudar, e muito, a arrumar sua bagagem. A temporada de outono-inverno é de abril a setembro, quando os termômetros marcam de 9ºC até 24ºC, aproximadamente.

Seguro viagem geral 300x250É uma temporada com céu aberto, ausência de chuva, noites mais frias ante à oscilação térmica, mais tranquilidade, já que menos visitantes passam pela cidade, e menor preço.

Já a temporada de primavera-verão vai de abril a setembro, com temperaturas que beiram dos 13ºC aos 25ºC, com máximas de 32ºC. São dias de calor intenso, podendo ocorrer chuvas por conta do “inverno boliviano”. 

Equipamentos mínimos necessários

Diferentemente de outros destinos da América Latina em que você, a princípio, não precisa se preocupar tanto com a bagagem, a viagem para o Deserto do Atacama exige que você pense em equipamentos mínimos para poder aproveitar todas as suas aventuras com tranquilidade.

Além da boa e velha mochila de ataque para carregar suas coisas durante os passeios, cogite carregar consigo toalhas, óculos de sol, algum boné ou chapéu (não se esqueça de que é deserto!) e muito protetor solar.

trekking-atacama

Também é importante levar algumas roupas de inverno, como blusa, luva, cachecol, gorro e tenha um bom calçado específico para trekking.

Itens como lanterna, lanches, água e remédios para eventuais emergências também são fundamentais. Só verifique antes com seu médico e, diante de dúvidas, peça receitas, já que alguns medicamentos de “livre compra” no Brasil não o são no Chile.

Seguro viagem geral 300x250

Ah, e devido à altitude, o “soroche”, – ou “mal da montanha”, também percebido em Machu Picchu, por exemplo -, pode causar algum desconforto. 

Por isso mascar folhas de coca, tomar um chá da planta, ou mesmo adquirir as “soroche pills” pode ajudá-lo. Importante também é contar com um bom seguro viagem, como os oferecidos pela Real Seguros.

A aridez e secura do deserto também exigirá muita hidratação da sua parte. Também é válido usar um umidificante nasal ou dormir “ao lado” de toalhas úmidas para não ter o risco de comprometer um pouco da sua plena respiração. 

LEIA TAMBÉM – SEGURO VIAGEM – ENTENDA A IMPORTÂNCIA DE FAZER O SEU

Dinheiro e casas de câmbio

A moeda oficial do Chile é o peso chileno (CLP/$). Você tem a opção de fazer o câmbio no Brasil ou no Chile. Em San Pedro há diversas casas de câmbio. Pode ser até mais vantajoso, inclusive, levar alguns reais e trocá-los em Santiago ou em Calama.

É importante frisar que San Pedro pode não ser um destino “super barato”. Em verdade, tudo vai depender do seu planejamento prévio, das suas escolhas e até mesmo do seu poder de barganha. Os gastos com os passeios são aqueles que podem pesar mais no bolso, pois são muitos.

peso-chileno

Ah, e em San Pedro você praticamente só conseguirá efetuar pagamentos em dinheiro. Portanto, seja precavido e leve em espécie ou saque nos caixas eletrônicos (Automatic Teller Machine – ATM).

Na cidade, você encontra caixas eletrônicos na Farmacia Salcobrande, calle Caracoles 241, esquina com Tocopilla; Farmacia Cruz Verde, também na Caracoles 359, esquina com Toconao.

No Banco BCI, na calle Vilama 425-D, esquina com Caracoles, das 09h às 14h, de segunda à sexta; e por fim, no Banco Estado, localizado na Gustavo Le Paige s/n, em frente ao Museo Arqueológico, das 13h às 17h.

LEIA MAIS – COMO PLANEJAR SEU MOCHILÃO PELA AMÉRICA LATINA

Conheça o Deserto do Atacama

Definitivamente o Deserto do Atacama irá te apaixonar! Explore paisagens que são únicas em todo o mundo, como salares, gêiseres e lagoas de cores azuis ou verdes, que te encantarão.

Veja as mais magníficas construções da natureza e as admire. Observe vulcões, imensas cordilheiras e uma paisagem estonteante.

Além disso, faça uma bela “viagem pelas estrelas”. Aprenda muito mais sobre as constelações, os planetas e os astros nos diversos observatórios astronômicos do Atacama.

Pratique esportes, caminhadas e tome um relaxante banho em uma das termas da região. Conheça mais sobre a história e a geologia de um dos lugares mais incríveis do planeta!

Seguro viagem geral 300x250Se você quer conhecer um destino diferente, intrigante e maravilhoso, o Deserto do Atacama pode ser a escolha que você procurava.

Dê um tempo para as grandes cidades, com seus cotidianos atribulados e opte pela natureza da forma mais adversa.

Encante-se com a pequena San Pedro de Atacama e viva os melhores passeios da sua vida! Conheça a América Latina!

Gostou das nossas dicas? Então compartilhe esse guia com seus amigos em suas redes sociais e programem uma viagem para conhecer esse incrível deserto que existe bem próximo ao Brasil.

E se você já esteve no Atacama, deixe suas dicas nos nossos comentários. Até mais!


Seguro ViagemReal Seguro

Hospedagem Booking

Passagem Aérea – Passagens Promo